Relacionamento Amoroso e a Psicologia dos Deuses Interiores

Por Maria da Luz Calegari (especialista em temperamentos e psicologia arquetípica)

22-mai, Domingo, 14h, Moema - Últimas Vagas!

Por que a maior parte – se não todos – dos seus relacionamentos não dão certo?

 

Você se culpou – ou se sentiu menor – por causa de compromissos rompidos?

 

Você acredita que pode ter um relacionamento mais harmonioso?

 

Essas perguntas encontrarão respostas no Encontro promovido por Bianca Trombelli, no qual a especialista em temperamentos e psicologia arquetípica, Maria da Luz Calegari, ajudará as participantes a descobrir qual é a deusa (arquétipo) que domina seu inconsciente e por quais deuses se sentem mais atraídas.

 

A literatura e os documentos históricos comprovam à exaustão a necessidade que o ser humano tem de amar e ser amado. De ser aceito. De ser compreendido. De ser destacado dentre outras pessoas. Ou seja, de ser especial para alguém. 

 

Apesar das mudanças operadas no mundo após a Revolução Feminista, na década de 1960, esses anseios permanecem principalmente entre as mulheres. Todas querem realizar-se amorosamente, seja através de um Homem ou de outra Mulher, seja na maternidade, no reconhecimento profissional e social, na doação a pessoas, animais e natureza, de modo geral, ou simplesmente mediante acolhimento, aconselhamento e calor humano.

 

Essas formas de amar estão muito bem expressas nos arquétipos das deusas gregas. Ao estudá-los, reconhecemos o que almejamos, em diversas fases da vida. E, principalmente, na atual.

 

Por outro lado, como homens e mulheres viveram em "mundos" separados, ao longo dos séculos, as mulheres desconhecem, quase sempre, os perfis masculinos (eles refletem o temperamento dos deuses e o modo como lidam/lidavam com o Amor).

 

A partir desse duplo conhecimento, a que se acrescenta o reconhecimento de clichês mentais, decorrentes dos valores transmitidos pela Cultura ocidental, as participantes terão oportunidade de identificar suas motivações para fazer determinadas escolhas e porque seus relacionamentos não deram/dão "certo".

 

 

PÚBLICO-ALVO:


Mulheres que buscam mais autoconhecimento na vida amorosa, que estejam insatisfeitas com as escolhas amorosas, que fizeram ao longo da vida, que estejam enfrentando dificuldades em seus relacionamentos, ou que desejam um relacionamento amoroso mais harmonioso

 

INVESTIMENTO:

 

22-maio, das 14 às 18 horas.

 

Espaço Natureza do Ser. Al. Uananá, 200, Planalto Paulista/Moema

 

Sua inscrição inclui o livro “O Amor Amordaçado” de autoria da palestrante 

 

R$ 120,00

FACILITADORA:

 

Maria da Luz Calegari

Especialista em temperamentos e tipos psicológicos (linha arquetípica), começou a estudar a influência dos arquétipos das deusas gregas no psiquismo das mulheres da atualidade, no final dos anos 1980. Na década seguinte, realizou inúmeros workshops, que resultaram em dois livros focados em relacionamento amoroso, principal preocupação das mulheres que os frequentaram. Foram elas que a estimularam a estudar o temperamento dos principais deuses gregos, para poder conhecer a influência cultural dessas "entidades" no psiquismo masculino.

Posteriormente, Maria da Luz enveredou pelo campo dos temperamentos humanos, com o objetivo de focar, principalmente, vocações, temperamentos e carreiras, dissecados em três livros, entre os quais Temperamento e Carreira, hoje adotado em faculdades. Desses estudos derivaram, também, testes vocacionais, cuja fidelidade tem como avalistas, entre outros, a revista "Veja".

Inscreva-se aqui e garanta sua vaga: 

Sua mensagem foi enviada com sucesso! Em até 1 dia útil você receberá um retorno.

Não temos nenhum produto para mostrar no momento.